...

OS EQUÍVOCOS DA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE

by gabriel-dos-anjos

on

Report

Category:

Documents

Download: 0

Comment: 0

45

views

Comments

Description

Download OS EQUÍVOCOS DA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE

Transcript

OS EQUÍVOCOS DA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE OS EQUÍVOCOS DA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE 1º - ESSA TEOLOGIA DA ÊNFASE DEMASIADA AO TER REFUTAÇÃO ± As Escrituras revelavam que a grande prosperidade humana é o SER. (lendo as bem-aventuranças ± Bem±Aventurado, sig. Feliz ± voce percebe isso. Pois as bem-aventuranças descrevem a condição interior de um seguidor de Cristo e lhe promete bençãos futuras (Mt 5.1-16). Lendo ainda Mateus 6>19-21, diz: ³Não ajunteis tesouros sobre a terra...mas ajunteis tesouros no céu...porque onde estar o tesouro do homem ai estará também o seu coração. Ainda falando sobre o ter, Jesus lembra aos ociosos, ³Observai as aves do céu: não semeiam, não colhem, nem ajuntam em celeiros. Contudo vosso Pai celestial as sustenta. Porventura não valeis vós muito mais do que as aves?´ (Mt 6.26). Deus não alimenta as aves por meios milagrosos de suprimento, mas por processos naturais que envolvem a terra e o uso que as aves fazem de suas faculdades. De igual modo, o filho de Deus, embora em algumas ocasiões lhes aconteça milagres, normalmente é cuidado por meios naturais. Então Jesus dá um conselho para todo aquele que lhe ouve: ³Buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino ( o reino do Pai celeste v. 32) e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas´ (Mt 6.33). 2º ESSA TEOLOGIA ASSOCIA SUCESSO A ESPIRITUALIDADE REFUTAÇÃO ± As Escrituras mostram em I Tm 6.9-19, que a prosperidade só tem uma chance de ser uma benção: Quando não é buscada com obsessão (v.9). ³Ora, os que querem ficar ricos caem em tentação e cilada, e em muitas concupiscências insensatas e perniciosas, as quais afogam os homens na ruína, e na perdição´. Quando não deposita a sua confiança no dinheiro (v.17). ³Exorta aos ricos do presente século, que não sejam orgulhosos, nem depositem a sua confiança na instabilidade da riqueza, mas em Deus que tudo nos proporciona ricamente para nosso prazer. Quando ela existe para estimular a espiritualidade (v.18). ³Que pratiquem o bem, sejam ricos de boas obras, generosos em dar e prontos a repartir´. Quando ela não impede a sua busca da verdadeira riqueza (v.19).´Que acumulem para si mesmo tesouros, sólido fundamento para o futuro, a fim de se apoderarem da verdadeira vida´. CRÍTICAS AO TRIUNFALISMO Os dois braços de sustentação da teologia da prosperidade são a CONFISSÃO POSITIVA e o TRIUNFALISMO. Enquanto a Confissão Positiva inverte os valores mais sagrados da fé em Cristo, o Tiunfalismo faz sua parte ocultando excessivamente as ordinárias ambiguidades humanas. O Triunfalismo gera nas pessoas uma superestima falsa, baseada em confissões positivas. Há alguns equívocos bem visíveis na exposição da tese triunfalista, eis algumas delas: 1º Supervaloriza o sucesso financeiro, passando a idéia de que a vitória cristã está sempre no TER. 2º Transforma o indivíduo num super-homem. REFUTAÇÃO ± Os Salmos de Davi revelam o lado frágil , amendrontado, temeroso, mesquinho e acovardado do homem segundo o coração de Deus. A Bíblia não apresenta seus personagens humanos como super, mas sempre revela seu lado frágil, desconfiado e totalmente dependente. 3º Elimina virtudes cristãs, tais como perseverança, paciência e submissão, pela obsessiva visão de vitória. REFUTAÇÃO ± O ensino bíblico deixa claro que nem sempre Deus responde nossas orações, nem sempre as coisas saem como gostaríamos. Mas ela deixa bem claro que a dor e a tribulação nos ensinam lições que jamais aprenderíamos se não passemos por tais situações (Jó 42. 1-5). 4º POSTULA A IDÉIA DE AMBIÇÃO COMO FORMA DE CULTO, CONFUNDINDO PROSPERIDADE COM PROPRIEDADE. REFUTAÇÀO ± A Bíblia é bem clara ao revelar que prosperidade não é você ter tudo, mas ter o suficiente para sobreviver. Prosperidade, segundo a Bíblia, é voce ter paz como todos; é voce ter sempre para sobreviver. Mas é forma distorcida de ambicionar pelo ter. Por Ex: ³É só pensar em algo, visualizando, ficando µgrávido¶ de um Mercêdes, uma mansão, um apartamento na cobertura do melhor condomínio, na beira mar...´é biblicamente absurdo. Qualquer adepto do triunfalismo, deveria prestar mais atenção na vida do grande apóstolo dos gentios. Apesar de dedicar-se inteiramente a servir a causa do evangelho, e receber revelações das quais muitas vieram a ser doutrina para a igreja, teve uma vida de muitas tribulações e tristezas. Porém, nunca desistiu, ao contrário, sabia confortar mesmo se sentindo só. Gostaria de saber como um triunfalista entende Filipenses 4. 4 ³Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo, alegrai-vos´. É inimaginável como esse grande batalhador da fé dependia da vontade de Deus na sua vida. CRÍTICAS A CONFISSÃO POSITIVA Ela distorce a fé bíblica. 1º A Confissão Positiva privilegia a fé ³para ter´ em detrimento da fé ³para viver´. Depois que esse tipo de fé tomou o lugar da fé ³para viver´, nunca mais os cristãos conseguiram experienciar a fidelidade da fé em Deus. Porque viver pela fé não é apenas acreditar que Deus existe, mas é ter certeza que existimos para Deus. 2º A Confissão Positiva idolatra a fé por gerar ansiedade pelo ter. A ansiedade causada por não se ter é uma forma de idolatrar a fé; isso porque interpreta o êxito como graça, e a sua falta como condenação. Aqui o mais torturante não é o fato de não se ter, mas sim o de não ter a fé que consegue as coisas. 3º A Confissão Positiva obriga Deus a fazer nossa vontade, baseada na idéia de que a fé é um poder que podemos utilizar a fim de influenciá-lo. Quem imagina a fé dessa maneira pensa que pode mover a mão Deus na direção que quiser. TEORIAS DA CONFISSÃO POSITIVA 1º INCUBAÇÃO (visualização) ± Uma imagem mental direcionada a um alvo desejado. Assim se desejamos receber algo de Deus, devemos ficar ³grávidos´ do que desejamos até que o recebamos. REFUTAÇÃO ± A Bíblia fala em visão, e não em visualização. 2º PODER CRIATIVO DA PALAVRA FALADA ± É a teoria de que nossa palavra é o material que o Espírito Santo usa para criar. REFUTAÇÃO ± Pelas Escrituras entendemos que só Deus tem poder para criar. 3º DIVINIZAÇÃO DO HOMEM ± Alguns pregadores da Confissão Positiva pregam que o homem é uma divindade ou um semideus. Há algum tempo atrás Benny Hinn levou os membros de usa igreja a repetir depois dele a seguinte frase: ³Eu sou um homem-Deus´. 4º Kenneth Hagin, escreve as seguintes heresias, algumas delas no seu livro, Zoe: A próxima vida de Deus. ³Você não tem um Deus dentro de voce. Voce é um deus´ e ainda diz ³cachorros geram cachorros, gatos geram gatos; e Deus geras deuses´. E prossegue dizendo ³Mediante o novo nascimento, tornamo-nos membros bona fide da família cósmica original (ef. 3.15), verdadeiros filhos gerados de Deus (I Jo 3.2), co-participantes da natureza divina ( II Pe. 1.4 ) , gerados de Deus, impregnados de seus ³genes´ (Não está implicita nenhuma relação física ), chamados a semente ou ³semêm´ de Deus ( I Jo. 5:1, 18; I Pe. 1:3, 23 ), trazendo a hereditariedade divina. Assim, mediante o novo nascimento ± e falo reverentemente ±tornamo-nos o ³parente´ da trindade, uma espécie de ³extensão da divindade´. ³Jesus foi primeiramente divino e depois humano. E, na carne, ele foi um ser divino humano. Quanto a min, fui primeiramente humano como você, mas eu nasci de Deus. E, dessa maneira tornei-me um humano divino!´ TRAGÉDIAS CAUSADAS PELA CONFISSÃO POSITIVA Das muitas tragédias causadas por esse movimento citaremos aqui só algumas A morte de Wesley Parkers um garoto diabético que seus pais não lhe medicava: orientados pelo seu pastor que deveria insistir na confissão positiva. Os pais foram julgados e presos. O escândalo em Portugal sobre o movimento liderado pelo Sr. Jorge Tadeu, Pastor da igreja Maná . O exemplo de Hoberty Frreman , que começou a chamar a atenção da mídia devido as mortes de crianças de sua igreja que foram proibidas de receber tratamento médico.
Fly UP